Um relicário imenso desse amor


“Mesmo na saudade, você não está ausente”, já dizia a canção. E essa é a ideia principal dos relicários. Inicialmente criados para guardar relíquias de santos, com o tempo, passaram a ser um tipo de mini-altar para aquilo o que gostamos, sejam santos, deuses, imagens ou até mesmo personalidades – é muito comum encontrar relicários que homenageiam a pintora Frida Kahlo, por exemplo. Os noivinhos do bolo também são bastantes comuns, e as possibilidades, infinitas, veja só:

Não são uma graça? Certeza que no seu próximo apartamento – à venda com um desconto especial no site da RealtON – tem algum cantinho que ficará o máximo com relicários na decoração!

Previous Quem casa quer casa
Next Casas de vidro: veja fotos de arquitetura do tipo pelo mundo

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *