Aluguel residencial sobe 0,2% em setembro


No acumulado de 12 meses, incremento é de 9,9%, bem superior aos 4,4% do IGP-M, de acordo com o Secovi-SP

aluguel

Os contratos de aluguel residencial assinados em setembro na capital paulista registraram um leve aumento de 0,2%, frente aos valores de agosto, conforme pesquisa do Secovi-SP (Sindicato da Habitação). Nos últimos 12 meses, a alta totaliza 9,9%, percentual superior ao do IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado), que foi de 4,4%. “A variação mensal dos contratos negociados tem oscilado mensalmente, mas observa-se equilíbrio na faixa entre 9 e 10% nos últimos meses, superior ao comportamento do IGP-M, mas com tendência de estabilização”, afirma Mark Turnbull, diretor da vice-presidência de Gestão Patrimonial e Locação do Secovi-SP.

As moradias que tiveram maiores elevações de preço em setembro foram as de 2 dormitórios, que apresentaram acréscimos médios de 0,3%, enquanto as residências de 3 quartos tiveram aumento de 0,1%. Os imóveis de 1 dormitório ficaram com os preços estabilizados.

Em setembro, o fiador foi a garantia mais utilizada nos imóveis alugados, respondendo por quase metade dos contratos de locação residencial (48%). O segundo tipo mais demandado foi o depósito de até três meses de aluguel, utilizado por 32% dos inquilinos. O seguro-fiança foi usado em 20% dos imóveis alugados.

Pensando em sair do aluguel ou investir para alugar? Confira as ofertas no nosso site!

Fonte: Secovi

Previous Cidades próximas de SP se tornam alternativas para morar e investir
Next Comemore o Dia do Macarrão!

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *